sábado, 11 de outubro de 2008

Pequenos prazeres da vida

Perguntou-me, às uns dias atrás, uma rapariga muito simpática chamada Catarina, se a minha vida era alegre. Disse-lhe que sim, claro! E prometi-lhe dar pequenos exemplos disso:

(Centro Paroquial - As mochilas do Pedro e da Izzie)

Pequenas alegrias na vida é acordar à uma da manha com um telefonema, contou-me o Pedro, da Izzie, a pedir-lhe: "Toca a aquela musica... Va laaaaaaaaaa!". E o Pedro la se levantou, meio sonambulo, a tocar com uma mao a musica que era pedida. Soltaram-se umas gargalhadas, e ele até dormiu melhor, disse.





(Monte da Caparica)

Pequenos prazeres da vida é ter um convite numa quinta á noite, para no dia a seguir ir ao Monte da Caparica de manha, com Alguem especial (ao volante. Esse foi uma das pequenas aventuras da vida :P). Descansar de uma semana infernal, soube mesmoo bem!





(Camara de Lisboa, departamento de EntreCampos)

Pequenos prazeres da vida é um estudo bem acompanhado, sem antes pisarmos incessantemente casas e igrejas, localidades tao familiares. É uma companhia que me deixa a sorrir pelo que é, e pelo que quer da vida...


... perdão, pelo que querem da vida. E por poder acompanha-los tao de perto, e saber que lhes ensino muito, ao mesmo tempo que aprendo.




Simples alegrias de vida é ter uma afilhada espectacular de curso, a Sara, e saber que é mais um membro de uma familia de... 3 elementos (eu, a minha madrinha e ela). Ao mesmo tempo, é ter alguem que tenho, de certa forma, tomar conta. Sinto-me responsavel... pelo que cativo. E Sara, nao duvides!... vai ser um grande ano! Aliás, ja está a ser!
(Porque descobrir sorrisos por trás de sorrisos, é outro pequeno prazer da vida. Oculto, de certo. Mas é isso que faz o fantástico.)

2 comentários:

Laura Lopes disse...

Quem e aquele abraco na Camara?
E tao bonito!

Pedro de Arimateia disse...

Lol!

É o casal Oliveira!