domingo, 7 de fevereiro de 2010

"Faz-te ao largo!"

Ontem marcou o inicio do Ano Mundial contra a Pobreza e Exclusão Social.

A passagem do Evangelho desta semana encaixa na perfeiçao. A mensagem é de aposta. De arriscar. De mudar.

Esta passagem tambem me marca especialmente porque foi o tema do meu primeiro retiro, na Praia das Maçãs. 

E se tantas vezes nao tivessemos fé? E se tantas vezes nao quisessemos dar o passo em frente? E se tantas vezes nao tivessemos coragem para lançar a rede como Pedro fez?

É certo: nao sorririamos tantas vezes! 

Mas é preciso ainda mais. Descobri que 18% da população portuguesa é pobre. Ou seja, que aproximadamente 1 em cada 5 pessoas é pobre. 

São numeros assustadores. Nao esqueço um dia em que saí da Sé, chuvia imenso (mais um frio insuportavel). E á porta, 3 sem abrigo dormiam (ou tentavam) debaixo de caixotes. Assim. Mais nada.

É preciso mudar. E mais que querer mudar, fazer mudar. Para este Ano, façamo-nos entao a este largo!

2 comentários:

Ana Macedo disse...

Lembro-me bem desse retiro, fui lá no último dia...

O padre lá de uma vila disse isso mesmo, que está na altura de arriscarmos e de termos + confiança em nós próprios e nos outros, após ter perguntado aos pais das crianças que estavam para fazer a festa do Pai-Nosso porque é que o mundo precisava de Salvação.

E são, de facto, números assustadores, ainda + se apenas o soubermos pela TV, onde me parece tão raro encontrar imagens associadas à pobreza no país

*

Sininho disse...

Oh Faz-te ao Largo
Não fiques por aí
Tem confiança
Acredita em ti!

Com Jesus a teu lado
Não fiques parado
Faz-te ao Largo!
Faz-te ao Largo!!

:)