sexta-feira, 26 de maio de 2006

América...

Quem já teve oportunidade de ir à Embaixada dos E.U.A?
Com certeza que muitos de nós nunca tiveram essa experiencia, mas aqui digo: Não vale a pena.

Na passada terça-feira, dia 23 de Maio, fui com alguns amigos da minha escola, visitar a Embaixada, a convite deles. Visitar, pensava eu.

Só a entrada deve ter demorado mais que a visita toda em si. Sabemos que as normas de segurança são enormes, mas aquilo é um exagero. Parecia que estavamos num aeroporto.
Contudo, nesta situação o lado-oculto chamou-me a atenção: "André... eles não facilitam.. e fazem bem. Mais vale prevenir do que remediar" .

Depois da demorada entrada sob um sol escaldante, tivemos a ouvir um senhor que era responsavel pelas "Relações Públicas" da Embaixada. Depois veio outro que tratava de assuntos relacionados com familiares portugueses/americanos que habitavam aqui em Portugal/America. Exemplo: uma pessoa americana que vive aqui em Portugal morre... e a sua familia está na América... cabe a esse senhor fazer o telefonema à familia, informando-os do sucedido.

Até aqui, tudo ia bem... Era cultura geral! Porem, a certa altura, começam a falar muito de estudar e estudar, e América, e estudar.
Bom, até pode parecer normal, visto que nós eramos uma escola, e eles era dos "States". Mas, quando à saida nos destribuiram uns cadernos com informações, é que me apercebi do sucedido:

Eles estavam a tentar seduzir-nos para ir estudar para os E.U.A.! Ah pois! Afinal, os cadernos que eles nos tinham dado eram, nem mais nem menos, que muita informação acerca do ensino americano, e como se podia fazia para ser "transferido" para lá.........

Bom, na verdade, como dizia o senhor: "We probably have the most powerful university in the world". Mas sair de Portugal para ir estudar no país de Bush? Jamais! Antes Inglaterra, Alemanha ou França!

1 comentário:

Mafalda disse...

thanks pelo comment